22/08/2017

Food Truck – Dicas de como montar o seu

Cada vez mais pessoas ficam interessadas em saber como montar um Food Truck. Quer saber por que esse modelo de negócio está sendo tão procurado?

O Segmento movimentou em 2014 cerca de R$ 140 bilhões segundo o Ibope Inteligência e vem apresentando crescimento expressivo nos últimos anos. Os principais motivos são: as mudanças no estilo de vida dos brasileiros, que hoje dedicam mais tempo ao trabalho fora de casa do que ao preparo dos alimentos; e a associação da comida fora de casa ao lazer.

Alugar um ponto comercial para abrir uma lanchonete ou restaurante nas grandes cidades pode ser muito caro e, por causa disso, a cozinha sobre rodas vem se popularizando.

No entanto, engana-se quem pensa que abrir um food truck é sinônimo de sucesso fácil. Com tantos novos empreendimentos no mercado, as dificuldades de se diferenciar, somadas a burocracia específica, fazem com que a maioria dos empresários desista ou não sobreviva mais de 2 anos. Mas fique tranquilo! A CF Contabilidade reuniu neste artigo o passo a passo de como montar um Food Truck de sucesso.

Onde e como abrir um Food Truck? 

A escolha do local faz diferença – Conheça seus clientes

Recomendamos que antes de abrir um negócio, todo aspirante a empresário faça uma análise de mercado consumidor. Só assim é possível prever as vendas e se diferenciar da concorrência.

No setor de alimentos vendidos na rua, fazer uma pesquisa ou estudo de mercado se torna ainda mais importante. Seu caminhão não pode ficar estacionado em qualquer lugar, então a escolha do local pode acabar com chances de sucesso. Algumas observações importantes nesse aspecto são:

  • Não é permitido estacionar em frente a estabelecimentos de ensino, hospitais, farmácias, portões de acesso a edifícios e repartições públicas;
  • Seu Food Truck não poderá parar em ruas residenciais ou zonas industriais.

Estrutura básica para um Food Truck

A estrutura para montar um Food Truck é composta por dois elementos distintos, o caminhão em si e a estrutura para a cozinha. É na escolha desses elementos que vai estar a engenharia financeira final que irá determinar o valor a ser investido.

A plataforma do seu Food Truck pode ser um caminhão usado ou novo. Em um primeiro momento, talvez a opção por um veículo usado seja a melhor opção, inclusive para reduzir seu investimento inicial. A legislação não exige que o veículo seja novo.

O preço vai variar muito em função do tamanho do negócio que você pretende montar. Como montar um Food Truck com um investimento inicial reduzido? A resposta é: adapte o projeto ao seu orçamento. Não se esqueça que você ainda terá que investir na customização do veículo.

Dentre as taxas de abertura, o Manual BPF é um dos itens mais baratos para instalação de um Food Truck. Aconselho que ele seja feito antes das demais aquisições, pois, com o Manual pronto, além de ingredientes e cardápio definidos, você terá uma ideia mais consolidada dos processos de preparo. Assim, sabendo quanto espaço será necessário para estoque, pode-se escolher se irá montar seu Food Truck em Kombi ou Caminhão.

Decidiu usar uma Kombi? Elas custam por volta de R$35.000, mas a adaptação para cozinha pode fazer com que ela dobre de preço. Algo parecido também ocorre com caminhões que, apesar de custarem em média R$150.000, têm um custo de adaptação de R$40.000 a R$90.000. Esses serão os maiores gastos na abertura desse tipo de empreendimento. Já sabe de quantos ajudantes você vai precisar para dar conta de todos os clientes? Mesmo que o espaço seja limitado, você deve considerar a possibilidade de contratação por causa dos turnos de trabalho e horários de pico. Em média, cada ajudante custa por mês R$2.000 já contando INSS.

Na próxima semana divulgaremos mais informações úteis para você que deseja saber mais sobre esse tipo de negócio.

Para não perder nosso próximo artigo, se inscreva no nosso blog!